Chuva ainda não anima em Canindé de São Francisco

0
66

As poucas chuvas que caíram no final do mês de março e início de abril no Município de Canindé de São Francisco não tem animado. Apesar de estar começando o período para o inverno, é nas trovoas que o sertanejo se anima e as nuvens que se formam, apesar de volumosas, têm deixado pouca chuva, contrariando algumas previsões de medição do clima.

Apesar de trechos irrigados, Canindé de São Francisco tem uma população que faz crença nas chuvas para plantar o milho e o feijão e outras culturas desse período, como abóbora, melância e bata doce e também fazer brotar o capim e encher as barragens para alimentar os rebanhos.

“Tenho esperança de que a chuva seja boa e poder plantar minha roça. Eu não vivo sem um plantar. Fui criado assim e vou morrer assim, plantando”, disse José Ventura que tem um terreno já pronto para plantar.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta