Dedé Simões morre vítima da Covid-19: “Grande profissional”, destacou Dida Araújo

0
38

A morte de Jadson Simões, conhecido como Dedé, repórter cinematográfico que atuou na TV Aperipê, TV Atalia,TV Câmara e TV Sergipe, era considerado um grande profissional da área no Estado de Sergipe.

Emocionado, Dida Araújo, amigo e parceiro de trabalho que atuou junto com ele em várias reportagens e documentários para televisão, destacou o profissionalismo de Dedé em diversas lembranças. Dida é mais um que lamentou essa perda precoce.

No histórico da situação, Dedé Simões foi internado no dia 22/01, na Unidade de Pronto Atendimento Fernando Franco, em Aracaju, com um quadro complicado da COVID-19. Já no domingo, 24, foi entubado e transferido para uma UTI no Hospital Regional de Lagarto.

Dedé tinha 39 anos, foi vítima da Covid-19 e encontrava-se internado na UTI do hospital em Lagarto. Informações do fan1 é de que, às 10h, desta quarta-feira, 3, acontece uma missa rápida no cemitério Colina da Saudade, onde o corpo de Dedé será sepultado às 11h.

Ele deixa esposa e dois filhos, um de 18 e um de sete anos.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta