Uma nova eleiçao já está em curso em Propriá

0
122

Definida a composiçao da Câmara de Vereadores de Propriá, uma nova eleição já está em curso, e essa não passa mais pela escolha do povo. Cabe aos onze parlamentares.

A presidência da Câmara já tem pretendentes, e deve ser um processo que vai requerer muita conversa, e também a posição do chefe do executivo.

Se nada acontecer até a posse dos eleitos no último domingo em Propriá, isso porque ainda faltam três etapas burocráticas, que são a prestação de contas, a diplomação e a posse, além dos pedidos de impugnações que possam surgir até lá, os nomes dos eleitos Beto Chaves, Dilma da Colônia e Nego de Marli pelo MDB, Samuel embora tenha sido eleito pelo DEM, trabalhou e votou para o Dr. Valberto, são os nomes mais prováveis para presidir o legislativo municipal.

A direção da Casa é escolhida por maioria simples, isto é, seis votos. Neste caso o MDB tem 3 vereadores, que podem ser somados com os votos dos vereadores Samuel, DEM, João Paulo e Ronysson, ambos do PSD. Esse é o caminho harmonioso.

No caso de ocorrer enfrentamento de chapa, e Samuel articular, ele pode compor com os três do PL, mais 1 do DEM, Maycon Azevedo, e Lucia de Vado, PSD. Essa é outra possibilidade.
Evidente que isso são conjecturas, mas, o dedo do executivo geralmente ajuda e influencia nesta decisão.

Fonte: sintonia

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta