Ameaçado? Pré-candidato Marinho diz que foi informado para “ter cuidado”

0
135

Canindé de São Francisco/SE – O pré-candidato Marinho Filho (PSB) afirmou em entrevista, na emissora Xingó FM nesta sexta-feira (11/09), que foi informado para ter cuidado nesse momento político de disputa nas eleições municipais de Canindé de São Francisco. Segundo ele, sem dar nomes, a informação foi gerada por uma fonte de Aracaju quanto a “derramamento de sangue”. Marinho disse que teme.

Ao relatar sobre o fato, o jovem advogado Marinho disparou um alerta que há muito se pensava estar soterrado nos porões da política local, ao menos era assim até esse momento. O alerta foi disparado. Ao acender essa possibilidade colocou a disputa política local como sendo uma das mais perigosas do estado de Sergipe e nela todos que estão inseridos dentro desse contexto, uma vez que não declarou de onde vieram tais ameaças.

Contrapondo a fala de Marinho, o Jornalista e Historiador, Luiz Eduardo Costa, entrou ao vivo no momento da entrevista e argumentou de que a disputa política vem sendo exercida em Canindé por homens civilizados e citou alguns deles. Para Luiz, esse tempo já passou e Marinho precisa tomar cuidado com o que coloca para população, uma vez que o momento deve ser feito com bons debates, ideias e superar situações que nada contribuem com o momento atual. Para Luiz, é retrocesso.

O município de Canindé de São Francisco tem uma das páginas mais negras da história política do Estado que a colocaram como lugar de gente da barbárie. Não só maculou a imagem do local como de seu povo, na maioria de simples sertanejos para que para lá se deslocaram acreditando que seria o Eldorado de Sergipe e do Nordeste, uma espécie de Canudos de Antônio Coselheiro que falou sobre o sertão virar Mar.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta