Professor Alberto Amorim deixa Academia de Letras de Propriá

1
138

Propriá/SE – A APLCAD ficou órfão de um dos seus membros fundadores mais ativos, se não o mais ativo da entidade Propriáense: o Professor Alberto Amorim. A saída do Professor de História, que também é considerado como um dos Historiadores do município, perde ainda mais o brilho de um ambiente improdutivo, até o momento.

Por meio de ofício datado de 15 de maio de 2020, Amorim alega indisponibilidade de tempo para dedicar-se para com os trabalhos da entidade, entre outros motivos. Na finalização do memorando, ele agradece a oportunidade se despedindo com a frase: “Sinceridade é uma fraqueza dos fortes.” Outros já quiseram deixar a APLCAD e até chegaram a registar o fato, contudo, reconsiderou e voltou atrás. A verdade é que a entidade é um clube que priorizou mais “imagens” que pessoas para contribuir de projetos e material de engrandecimento para Propriá.

Alberto Amorim exerce atualmente o cargo de Secretário Municipal de Educação da gestão do Prefeito Iokanaan Santana. É Presidente do Centro de Cultura de Propriá (CCP) e Professor  de História em uma Escola pública no vizinho Estado de Alagoas, Porto Real do Colégio. Ele ocupava a cadeira de outro Professor, Jussiêr Ferreira.

Para uma Academia que na crítica por muito Propriaenses, pelo porte de alguns intelectuais que mantém em seu bojo, não apresentou Projetos importantes para a Cultura, História, Literatura, Arqueologia, Ciências, Desportos, etc, Amorim era uma espécie de pilar de sustentação com trabalho a exemplo da instalação do Museu do São Francisco e direção da mesma.

Amorim teve a sinceridade que faltam em muitos. É uma verdadeira perda.

Por Adeval Marques

 

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta