Caso do Covid-19 em Itaporanga D´Ajuda: caso do Covid-19 e absurdo por parte de agência bancária

0
52

Itaporanga D´Ajuda/SE – A informação de um caso por coronavírus, que circulou no final de semana no município de Itaporanga D´Ajuda, mas especificamente na sede da cidade, deixou a população em estado de alerta. A situação no entanto vem sendo administrada.

Com intuito de amenizar o impacto e confortar a população, os vereadores Thiago Luduvice e Ricardo Possidonio, ambos PSD, saem em defesa da população deixando a política de lado e reforçam que situação é natural e que está sob controle. Assim que a notícia tomou vazão pela cidade, a Secretaria Municipal de Saúde prestou os cuidados e, Sem negar o caso, uma Nota Oficial foi publicada por meio da Comunicação da Prefeitura. O primeiro parágrafo da Nota afirma: “A Secretaria Municipal de Saúde de Itaporanga d’Ajuda informa que está confirmado o primeiro caso de coronavírus no município. Trata-se de uma senhora de 91 anos, hipertensa e diabética que já está em isolamento e sendo monitorada pela Secretaria Municipal de Saúde. Os familiares da paciente também estão sendo monitorados pela Secretaria.”

O site entrou em contato com os parlamentares que analisaram o momento como tranquilo e a população deve tratar com naturalidade. Na análise isolada nossa, o momento em Itaporanga é confortável, uma vez que o município tem uma população considerável estimada em 34.356 mil habitantes (IBGE 2019) com vários povoados.

A Administração Municipal tem disponibilizado material humano na orientação, prevenção e diversas outras ações no combate ao Covid-19 por meio da Secretaria Municipal de Saúde e outros departamentos. Um exemplo disso é a aquisição de seis lavatórios, dos quais, quatro já foram instalados nas principais entradas do Mercado Municipal Arnaldo Garcez sob o bom trabalho do Diretor Guilhermano Hora, além da limpeza do local por cloro diluído em água com proporção dentro das normas. Existe sim o bom trabalho em curso por parte da Administração Municipal que precisa ser reconhecido, pois o histórico demonstra controle. “Nessa hora, precisamos esquecer as bandeiras políticas e nos ajudarmos”, disse um comerciante fornecedor de serviços.

Um caso no entanto chamou a atenção: A Prefeitura Municipal tem tentado fazer um serviço de limpeza pulverizando com cloro e outros agentes químicos as calçadas e portas de alguns estabelecimentos, tanto comercial quanto bancários. Na maioria dos casos obteve êxito e apoio, porém, uma das agências bancárias da cidade, cujas fontes não informaram o nome mais já está em vias de se saber quem é, não achou interessante o trabalho na porta da instituição – calçada e portas externas – O posicionamento é tido como absurdo por parte da população, comerciantes que souberam, pois representa um retrocesso diante do momento de combate para a não proliferação do coronavírus.

Itaporanga D´Ajuda vai bem no trabalho ao combate do Covid-19. A população deve tratar a situação da senhora infectada como um caso natural e se manter calma e confiantes no trabalho das autoridades. O que precisa é a conscientização em ajudar seguindo para o isolamento social, higienização e orientações pelos órgãos oficiais. Nesse momento a ajuda de todos é importante. Quem não concordar com as ações da Prefeitura Municipal, comete pecado.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta