PT em Propriá rachado, projeto de Márcio Dória pode naufragar

0
240

Propriá/SE – O Partido dos Trabalhadores em Propriá está rachado. São duas alas na que não dialogam entre elas. Uma faz parte da linha Rogério Carvalho e a outra a de Márcio Macedo. Esse fato implicará no alavancamento da candidatura de Márcio Dória que sumiu do cenário político, apesar de ter começado com forte participação nas mídias de rádio local e outros meios de comunicação.

Em Propriá, além do vereador Heldes Guimarães, que já declarou apoio para a pré-candidatura do vereador José Aelson dos Santos, existe outras questões que levam para dissidência e falta de alinhamento. Podendo ter percebendo que a coisa em Propriá não é bem o ele que pensava, o pré-candidato Márcio Dória deve estar analisando tudo para continuar ou não.

Em Propriá quem analisa a política sem paixão e responsabilidade afirma que, uma ala caminha ainda com o ex-prefeito Renatinho que se consagrou em 80 como a grande estrela do PT em Propriá. Outros, eleitores, caminham com o vereador Heldes Guimarães que ainda não digeriu a forma como foi tratado na ocasião do evento do PT, numa espécie de lançamento de Mário Dória.

Márcio tem ao seu lado o apoio e articulação de Jackson da Estação, ex-vereador e ex-secretário que imprime uma imagem positiva perante o eleitorado e poderia ter de volta sua candidatura para vereador ao lado da eleição de Márcio, porém, dadas às circunstâncias, deve também estar em estado de introspecção.

As informações que chegam ao site estão no campo do sigilo.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta