Dr. Paulo César, Zé Américo, Samuel e pastor Magalhães se reúnem: “conversa séria” sobre política

0
108

O site Propriá News obteve a informação de que, na tarde da última quinta-feira, 05/12, existiu um diálogo entre o ex-prefeito José Américo Lima (Republicanos), Dr. Paulo César (PSC), o vereador Samuel Menezes (PSC) e o pastor Magalhães. Todo o diálogo girou em torno da política local sobre futuras perspectivas de junções.

Recentemente, em entrevista de vídeo ao PropriáNewsTV, Dr. Paulo César afirmou que estaria iniciando a efetiva construção para o lançamento de sua pré-candidatura para prefeito. Ele também abriu o viés de que pode compor em outro projeto, desde que seja “o mehor para Propriá.” Nesse sentido, ele já conversou com dois pré-candidatos: José Aelson e Márcio Dória.

 Ao dialogar com José Américo, ele não só reafirma o que disse na entrevista ao Radialista Patrício Lessa e ao site PropriáNews, mas cumpre na prática ao dialogar.  É preciso dizer que, mesmo sem ainda lançar sua pré-candidatura, ele é o que mais têm buscado dialogar com os demais pré-candidatos, ou seja, para isso, fez um planejamento para alcançar todos que puder. “Conversarei com todos. Só não o farei com quem não quiser. Minha política vai ser a de uma união por Propriá”, disse Dr. Paulo César.

Voltando ao encontro, o resultado do diálogo é que o pensamento de união para uma somação é uma vertente que não pode ser descartada. Dentro do diálogo ocorrido, foi citado o nome do ex-prefeito Renato Brandão como uma figura da politica que também merece toda atenção e respeito. “Nossa conversa foi séria. A visita de Dr. Paulo César foi oportuna e partido Republicano fará parte da política de 2020”, disse o ex-prefeito José Américo Lima que vem reunindo um bom grupo.

Fica claro que uma rede de diálogo está sendo construída. Como foi oferecido por Dr. Paulo César, em janeiro de 2020 uma pesquisa de opinião pública, para consumo interno, será providenciada. Com base nela, rumos serão traçados. Nesse caso, a decisão da população já poderá ser verificada e o melhor projeto decidido. É tudo ainda questão de futuro.

Por fim, conforme já foi analisado aqui no site Propriá News, o mês de dezembro pode estar sinalizando como 2020 começará, ou ao menos a possibilidade. Janeiro e fevereiro de 2020 são dois meses quase que sem vida política em razão de férias, festejos e comemorações, porém, sendo a política dinâmica e no curso que vai, março pode ter quadros definidos e perderá quem chegar por último.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta