NOTA À MILITÂNCIA DO PT DE CANINDÉ

0
325

COMUNICADO DA ARTICULAÇÃO DE ESQUERDA CANINDÉ

O presidente do PT Canindé não entende de democracia e está querendo desrespeitar o resultado das urnas!

A matemática é fácil de fazer. Por isso vamos explicar como se deve formar a Comissão Executiva e o Diretório Municipal do PT em Canindé de São Francisco.

O diretório municipal do PT é formado por 10 membros titulares. A Executiva por seis desses 10 membros.

Como duas chapas disputaram as eleições, o resultado permite que a chapa UNIDADE E LUTA POR UMA CANINDÉ FELIZ indique 6 dos 10 membros, a nossa chapa EM TEMPOS DE GUERRA A ESPERANÇA É VERMELHA deve indicar os outros 4 membros.

Até aí tudo bem.

Mas na hora de compor a executiva local (composta de 6 desses 10 membros do Diretório), o presidente municipal quer despeitar o percentual obtido nas urnas.

O Estatuto é claro. Dos seis membros da Executiva Municipal do PT de Canindé a chapa Em tempos de Guerra, a Esperança é Vermelha tem direito a dois membros na composição e não à uma vaga como foi posto de forma arbitrária.

Pedimos ao presidente e aos membros da sua chapa que leiam o Estatuto. A chapa EM TEMPOS DE GUERRA A ESPERANÇA É VERMELHA obteve 79 votos (44,54%). Façam as contas.

No mais achamos que diretório municipal do PT de Canindé deve priorizar realização de plenárias para debater com a militância sobre a formação dos e das petistas. Reunir e planejar para construir democraticamente a posição do ParTido para as eleições municipais.

A Executiva do PT de Canindé é formada por seis membros, mais Presidente e Líder da bancada de vereadores (quando o PT tem vereador/a).

Aproveitamos a oportunidade para reivindicar as Secretarias de Organização e de Formação, onde possuímos acúmulo coletivamente construído. Queremos construir o PT, mas não aceitaremos tirania.

Para Emanoel Aleixo:

“É preciso dizer que quem manda no PT é sua militância. Quem está na direção do Partido deve sempre ouvir e consultar a militância petista. Nossa prioridade é construir um partido para tempos de guerra. Fazer Lula Presidente e eleger o PT para o Governo do Estado em 2022. Nesse sentido, a tática eleitoral do PT em Canindé e no Sertão deve ser ousada.   Devemos ter candidatura própria para prefeito em todo Sergipe. Sem ilusões, sem autoritarismo e com a militância tomando as decisões” declara Emanoel Aleixo, Dirigente do PT Canindé e militante da AE”.

Ascom/PT Canindé

 

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta