Arqueólogos encontraram uma estátua de um pênis de 53 centímetros na Suécia.

Arqueólogos acreditam que a estátua possa ter sido utilizada para realizar sacrifícios de sangue para um deus pagão da fertilidade.

O pênis encontrado seria da Era do Bronze, ou seja, entre 1800 e 500 a.C., e foi descoberto durante as escavações nas proximidades de Gotemburgo, segundo o tabloide Daily Star.

A suspeita de que o grande órgão de pedra tenha sido utilizado para cultos de fertilidade surgiu quando arqueólogos encontraram ao seu redor diversos ossos de animais, provavelmente utilizados em sacrifícios.

arqueóloga Gisela Angeby afirma que a equipe acredita que a pedra já possuía um formato similar ao órgão genital, mas foi apenas moldada detalhadamente.

“Eu acredito que em conexão com a ereção, isso foi utilizado em sacrifícios, como culto de fertilidade”, completou.

Sputnik

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta