Desde a última terça-feira, após aprovação, por “unanimidade” de moção de autoria do vereador Marcos Antônio Graça, parabenizando a gestão do Hospital Regional de Propriá, que o clima na Câmara Municipal de Propriá anda exaltado, parlamentares a flor da pele. Nessa noite, os ânimos de alguns parlamentares continuaram exaltados.

No uso da tribuna, o vereador Jairo disse que “nunca viu união dentro da casa, a união existe na frente, por trás a conversa muda, o mesmo ainda disse que falta ética entre os próprios parlamentares e falta ética dos vereadores para com o povo.” Concluiu dizendo que “não é desabafo, é verdade.”

“Realmente houve um desentendimento entre eu e outro parlamentar, eu fui conversar com ele e o mesmo mandou eu, de forma irônica, fazer projetos, foi quando eu me exaltei e o chamei de b0$74, o bate boca começou e eu parti pra cima dele, mas os colegas contornaram a situação.” Contou o Vereador Jairo Lemos à Tribuna de São Miguel.

Embora estejamos a mais de um ano das eleições, alguns parlamentares já estão focados exclusivamente no projeto de reeleição, os inúmeros problemas existentes no município, que dariam muitas horas e dias de debates na câmara, já foram deixados de lado por estes, os mesmos acham mais viável atacar o povo e protagonizar cenas deprimentes e lamentáveis amparados pelo fato de que o regimento permite. É válido ressaltar que o regimento permite o parlamentar ser e agir da forma que quiser, porém, cada um escolhe o que quer ser, a maneira de agir e a impressão que quer passar de si para a sociedade propriaense.

Por Oliveira Neto
Foto: Reprodução

 

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta