“Uma maldade.” Assim classificou o advogado Márcio Dória ao ter conhecimento de uma charge dele e o Padre Clebson, da cidade de Propriá, que circulou em grupos de whatsapp nesta quarta-feira. Márcio, que foi o primeiro a visitar o Padre disse: “Na ocasião tive a  intenção de saber do quadro de saúde no pós-cirurgia de Clebson e fez foto a convite do próprio Padre. Uma charge assim é um desrespeito”, disse lamentando. Em seguida a Márcio Dória, que é pré-candidato a prefeito em Propriá, outros pré-candidatos também fizeram visitas ao Padre e a charge foi publicada.

 NOTA DE ESCLARECIMENTO

Meus caros amigos Propriaenses, venho a público manifestar minha indignação com relação a uma foto montagem que foi publicada nas redes sociais, na qual alguns políticos aparecem ao lado do Padre Clebson, onde consta um comentário INVERÍDICO e ABSURDO.

Minha maior indignação é com a falta de respeito em relação a figura do Padre Clebson, um líder espiritual que todos gostam e o admiram, o qual, inclusive, tenho estreitado relacionamento de amizade e não por interesse político. É um absurdo que no momento tão delicado para o Padre Clebson um irresponsável, insensível, aproveitador, utilize as redes sociais para divulgar uma foto irreal.

Aproveito o ensejo para repudiar os comentários constantes na foto com as demais pessoas e autoridades políticas, tendo em vista que todos fizeram apenas uma visita de cortesia ao Padre Clebson.

Venho explicar que minha foto retirada com o Padre Clebson na visita feita a ele, ainda no Hospital Primavera em Aracaju, fora a pedido dele, inclusive, sendo por ele devidamente autorizada sua publicação, a qual foi postada pelo próprio Padre Clebson no site da Paróquia Santo Antônio.

Aproveito a nota de esclarecimento para reiterar os meus votos de plena recuperação e saúde ao Padre Clebson, para que o mais breve possível ele se encontre entro todos nós, seu rebando o aguarda com ansiedade.

Por fim, venho esclarecer que o irresponsável que fez tal publicação está à mercê de responder legalmente pela postagem indevida. O Ordenamento Jurídico prevê as devidas punições, com amparo no Código Penal e no Código Civil.

Tais esclarecimentos servem para que não pairem dúvidas, e que a verdade sempre prevaleça.

Ascom – Márcio Dória

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta