Na manhã deste sábado o proprietário de um barco foi surpreendido ao chegar no porto constatou que a embarcação não estava no porto e sim a 200. Já dentro dela observou que o motor do tipo mega honda 13, de cor vermelha e branco, com pouco tempo de uso, havia sido levado.

O proprietário informou que não tem pistas e só resta informar a Delegacia de Polícia lavrando Boletim de Ocorrência (BO). Os roubos de motores estão sendo comuns tornando-se estatísticas, pois a maioria dos casos não foram solucionados e continuam sem respostas, mesmo com esforço das investigações por parte da PC.

É visível que existe um clima de intranquilidade por parte dos ribeirinhos. Roubo de barcos, de motores, o rio sendo envenenado por ações perversas de pessoas que atribuem tais ações à falta de emprego, oportunidades ou desespero, seja em que for, é preciso saber que existem leis e punições contra atos como esse, afirmou um agente que faz parte das investigações.

O contato para informações é: (79)-9-9692-9706 (vivo só para ligações e telegram) e (79)-9-8849-9585 (Whatsapp).

Redação
Propriá News

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta