Quem participa de forma mais ativa do Hospital Regional de Propriá percebe o mundo de pessoas que ali frequentam diariamente. Por ser o sistema SUS unificado, gente de todas as regiões de Sergipe e Alagoas e outros Estados faz uso dele diariamente. ´”Muita gente.”, disse uma usuária comum.

Na última quarta-feira, 10julho, o site Propriá News esteve no Hospital Regional para uma visita rápida comprovando o quantitativo de pessoas que ali estavam. Eram idosos, crianças, muitos jovens e principalmente mulheres. Notou-se a agilidade no atendimento aos pacientes, ambiente equilibrado e tranquilo.

Sob a supervisão da Superintendente Patrícia Britto, que participa ativamente da vida do recinto de saúde, funcionários das diversas áreas ali trabalham para garantir o funcionamento pleno aos usuários. A estrutura e aparelhamento faz o Hospital funcionar a contento por 24 horas ininterruptas. A higiene é vista a todo instante. Patrícia é vista a toda horas nos corredores e alas resolvendo situações.

Bem diferente que alguns meses antes a opinião pública participa. “Dona Patrícia é muito atenciosa com o povo. Tá sempre sorrindo e procura resolver tudo que pode. Não tenho o que reclamar.”, disse Maria de Lourdes residente em Propriá. “Teve tempos que aqui não tinha o atendimento de hoje gente até chorava. Hoje é bem melhor.”, afirmou Carlos Nascimento, lavrador. “Nunca vai ser cem por cento, mais existe diferença hoje.”, encerrou Dona Ana Filgueira, 72 de idade.

Sem ter acesso ao número de atendimentos diários ou semanais o que o site percebeu colhendo vários depoimentos no local é de satisfação na maioria. Obviamente que existe necessidades de melhorias, porém, o fator de maior importância, que são os atendimentos e resoluções dos casos, são vistos entre bom ou ótimos para um mundo de atendimentos diários.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta