Será lançado no dia 12 de março, o documentário “Josa- O Vaqueiro do Sertão”. A exibição do documentário acontece no dia em que o homenageado completa noventa anos, no Centro Cultural de Aracaju às 15 horas. A entrada é aberta aos amantes da Sergipanidade, assim como o cineasta e idealizador do projeto.

A ideia de registrar a memória do sanfoneiro Josa, em uma peça do audiovisual, começou há vinte anos quando os jornalistas Dida Araújo, Marcelo Carvalho e Erito Meirelles produziram uma reportagem especial, para o jornalismo da TV Sergipe, em homenagem aos setenta anos do artista. Boa parte desse material foi guardado e no ano passado o cineasta Dida Araújo iniciou a formatação do roteiro para a realização do documentário.

O documentário traz depoimentos do homenageado, de pesquisadores, amigos, músicos e familiares. Apresenta também fotos de família e vídeos guardados por admiradores. Alguns arquivos  históricos conseguidos junto à TV Aperipê foram fundamentais para a realização desse registro. Por esse motivo o realizador, Dida Araújo, fez questão de colocar a emissora como coprodutora desse documentário que fará parte da memória do audiovisual sergipano.

A direção de fotografia do documentário é de Sérgio Almeida. A captação do som é de Miguel Andrade. O roteiro, a produção, a direção e edição são de Dida Araújo.

O documentário faz parte também das comemorações dos oitenta anos da Rádio Aperipê AM. Foi a antiga Rádio Difusora de Sergipe, hoje Aperipê,  que acolheu Josa, na década de 1962, e o projetou para o universo musical brasileiro. Na emissora ele apresentou o programa “Boa Noite Sertanejo”. Em seguida conquistou definitivamente o espaço radiofônico com o programa “Festa na Casa Grande”.

Josa

José Grigório Ribeiro, Josa, nascido na cidade de Simão Dias, se tornou um vaqueiro muito famoso na região devido à habilidade na arte de amansar animais. Ele também foi vendedor de frutas na feira da cidade, amansador de burro brabo, militar e costureiro. Mas foi a arte de compor, cantar e tocar sanfona que projetou Josa para o universo artístico e o transformou em um dos principais nomes da cultura sergipana.

Sobre o Diretor – Dida Araújo

  Dida Araújo é formado em cinema e audiovisual pela Universidade Federal de Sergipe e realizador de vários documentários, todos eles voltados para a preservação da memória sergipana.

Como jornalista, trabalhou por trinta e seis anos na TV Sergipe, afiliada da Rede Globo em Sergipe. Nesse tempo idealizou  e dirigiu  alguns projetos que alcançaram  muito  sucesso  na telinha da emissora. Terra Serigy, São João da Gente, Concurso de Quadrilha Junina Levanta Poeira, Viva Esporte, Agenda Cultural, Bom Dia Interior, foram alguns desses projetos. Além também de produzir e editar  diversas reportagens ganhadoras de prêmios como o Banco Brasil de Jornalismo, Fapitec e o troféu Sanfona de Ouro. Há quatro anos trabalha na TV Aperipê onde ocupou o cargo de diretor de jornalismo e hoje coordena o departamento de programação da emissora.

Serviço

O quê: Lançamento do documentário “Josa o Vaqueiro do Sertão”
Quando: 12 de Março
Horário: 15h
Local: Local Cultural de Aracaju- Praça General Valadão, Centro

Fonte: Assessoria de Imprensa  

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta