Marchantes de Propriá abaterão animais na cidade de Cedro de São João

0
91

De acordo com o que ficou ajustado em Audiência Extrajudicial (Inquérito Civil nº 35.15.01.0005), no dia 18/08, entre o Município de Propriá e Ministério Público Estadual, o abate clandestino de bovinos no Município de Propriá está proibido. Os abates serão realizados no matadouro do Município vizinho de Cedro de São João/SE.

Diante do que fora firmado na referida audiência, Prefeitura de Propriá realizou, na manhã desta quarta-feira, 27/09, uma reunião com os marchantes no espaço do 12 Tênis Clube para tratar do assunto, explicando aos participantes a impossibilidade jurídica/financeira de custear, de forma imediata, o transporte dos animais do local de abate até o local destinado à venda. Entretanto, se prontificou a analisar a possibilidade de adquirir um caminhão frigorífico para auxiliar no transporte da carne, após o abate, do município de Cedro de São João para o município de Propriá. A proposta será analisada pelo Município, que viabilizará o tramite legal em comum acordo com a Associação de Marchantes de Propriá.

Em sua explanação, o Subprocurador-Geral do Município, Felipe Trindade Rocha, ressaltou que o prefeito Iokanaan Santana tem toda boa vontade em resolver a situação da melhor forma para os marchantes. Porém, é importante observar todas as exigências legais para o abate, bem como os trâmites para que seja adquirido o caminhão para a realização do transporte, após o abate.

Foi franqueada a palavra para diversas manifestações por parte dos marchantes, que concordaram com o que foi discutido, destacando que todos estavam cientes acerca da impossibilidade de realização do abate clandestino de bovinos, neste Município. Importante mencionar que foi lavrada Ata, com recolhimento de assinatura dos presentes.

Redação
Adeval Marques

Fonte: Prefeitura de Propriá

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta