Denúncia e perigo: Fogos do período junino começam ser soltos de forma irresponsável

0
191

A tradicional festa de São João, prestes a acontecer ainda no dia 24 de junho, é uma das riquezas e alegrias da Cultura do País. Entretanto, o incômodo do som exagerado de alguns fogos é de cara uma das maiores preocupações e perigos que devem ser levados em consideração e já começam ter queixas na cidade.

Deseducado, deselegante e sem respeito algum um jovem solta uma bomba em plena rua por volta das 22hs30 quando a maioria das pessoas já se encontram em suas camas. Crianças, idosos se acordam acometidos por àquele som ensurdecedor que irrompe a noite provocando barulho e grande susto em todos. De onde vem tal irresponsabilidade? É o que se vem denunciando já.

Constantemente vem se ouvindo estampidos em vários pontos da cidade ultimamente e sempre se diz que “são jovens desocupados” e que, ao efetuar o ato saem correndo pelas ruas dando gargalhadas. “Já que não se pode impedir tais incoerências por parte deles, justamente pelo fato de não se dominar onde a próxima situação poderá acontecer, seria coerente que a Polícia Militar fosse alertada para tais situações e passasse a revistar tipos suspeitos fora de hora.”, afirmou Antônio Manoel que é idoso e por várias vezes foi acordado com o estouro de bombas.

Tal situação envolve preocupação em toda sociedade que é vítima e os poderes constituídos em tomar providências e fazer prevenção e punição por atos provoquem a desordem pública. Nesse ponto, como sugestão de um Professor, seria interessante que a Prefeitura Municipal fizesse uma campanha educativa alertando sobre a situação em tela e os riscos físicos de soltar fogos de artifício sem os cuidados devidos. faz-se interessante também a atuação dos Bombeiros.

Antes de tudo é importante saber que, no Brasil, a venda de fogos de artifício a menores de idade desacompanhados de seus responsáveis é proibida por Lei. O fabricante é obrigado a informar o material utilizado na fabricação e orientações de segurança.

Da redação
Adeval Marques
Foto: Infonet

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta