Radialista Carlos Dias poderá comandar programa de jornalismo na Xodó FM em Propriá

0
338

O radialista Carlos Dias, profissional com grande experiência de rádio no Estado de Sergipe, poderá comandar o programa de rádio na emissora Xodó FM na cidade de Propriá.

Recentemente o Grupo Xodó comprou a Ilha FM que atua na cidade de Propriá e deve entrar em atividade em breve tempo. Assim também como vem fazendo em outros lugares, a exemplo de Nossa Senhora da Glória onde marca Xodó FM já se consolidou. O grupo Xodó tem plataforma própria de trabalho com uma variada de informação, programas diversificados com entrevistas e um bom quadro de jornalismo. Vem crescendo bem e com credibilidade o grupo Xodó com boa audiência de rádio.

Carlos Dias tem grande experiência de rádio. Profissional com ética e responsabilidade indiscutível, acessível e pessoa de boas relações na imprensa do Estado seu trabalho se apresenta com o tipo de jornalismo que mais cresce no mundo: o jornalismo cidadão. Esse estilo é leve, sem agressividade, procura informar sem se colocar na condição de autoridade, buscando soluciona e mediar conflitos ao invés de fazer juízos de valores antecipadamente, sem ser precipitado e sem jogar para a torcida. É assim se defini, em linhas gerais, o jornalismo cidadão que vem prestar o serviço com qualidade, ética e respeito às partes envolvidas. Na concepção de algumas pessoas consultadas pelo site na área de rádio a Xodó acerta bem com a vinda de Carlos Dias em Propriá.

Outra informação que surgia no meio em questão era a de que o radialista Eugênio Santana, que já fez rádio na cidade, poderia comandar o mesmo jornal em Propriá, contudo, após verificação do site constatou-se que a informação não procede.

Calos_dias

Embora as informações nos chegaram através de outras fontes externas, e não da Direção do Grupo Xodó, e esse motivo é se coloca como “possibilidade”, o fato tem grande margem para acontecer. A situação está em curso.

Da redação
Adeval Marques
Fotos: Arquivo do site

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta