VEREADOR JOSÉ AELSON APRESENTA MOÇÃO DE REPÚDIO AOS PARLAMENTARES SERGIPANOS BUSCANDO SENSIBILIZAR REFERENTE À REFORMA DA PREVIDÊNCIA

0
65

O Presidente da Câmara Municipal de Propriá, José Aelson (PSD), levou a discussão em Plenário e posteriormente o Poder Executivo aprovou por unanimidade a Moção de Repúdio de nº 18 de 2017, na última quinta-feira (16). A Moção foi direcionada aos Deputados Federais e Senadores do Estado de Sergipe, votantes da Proposta de Emenda à Constituição (PEC nº 287/2016) que altera os Artigos 37, 40, 42, 149, 167, 195, 201 e 203 da Constituição Federal, que versa sobre a Reforma do Regime Geral de Previdência Social (RGPS).

Segundo o parlamentar, os motivos para tal moção que foi aprovada por unanimidade se baseia na solidariedade com todas as classes sociais onde se encontram descontes diante as mudanças a que refere a citada PEC. A proposta extingue a aposentadoria por tempo de contribuição, estabelece idade mínima única para aposentadoria (65 anos) para praticamente todo o conjunto dos trabalhadores, além de elevar o tempo mínimo de contribuição de 15 para 25 anos, mudando o cálculo e reduzindo o valor dos benefícios previdenciários em geral.

“Por considerar que a nossa República é humanitária, a proposta do Projeto de Lei é uma afronta ao principio do não retrocesso social. Pelos motivos expostos, solicito que a Moção seja direcionada aos senhores parlamentares do nosso Estado votantes do Projeto de Lei, para que estejam cientes do clamor social e reflitam suas posições em favor do povo brasileiro.”, destacou o Presidente da Câmara Municipal de Propriá, José Aelson dos Santos (PSD).

Fonte: ASCOM/José Aelson PSD

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta