CÂMARA DE PROPRIÁ DISCUTE PROJETO QUE ALTERA HORÁRIO DE ATENDIMENTO DAS AGÊNCIAS BANCÁRIAS DO MUNICÍPIO

0
83

Na manhã desta quinta-feira (16), na Câmara Municipal de Propriá, aconteceu uma reunião para analisar e discutir sobre o Projeto de Lei nº 011 de 2017, que “Altera o horário de atendimento das Agências Bancárias do Município”. O encontro foi articulado pelo Poder Legislativo, onde foram convidados membros do Poder Executivo, dirigente das Agências Bancárias e o Presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas.

A iniciativa para criação do referido Projeto de Lei se deu pela observância das dificuldades dos clientes das agências em poderem frequentar e fazerem compras com comodidade no comércio de Propriá, por conta dos transportes saírem às 11h e 12h. Os clientes saem das Agências Bancárias direto para seus respectivos meios de locomoção. Neste aspecto, o comércio de Propriá perde clientes e o fluxo de dinheiro da cidade diminui. Em contrapartida será proposto o Projeto de Lei que visa o funcionamento das Agências das 09h às 14h, reduzindo em uma hora a abertura das mesmas.

O Presidente da Câmara Municipal, José Aelson (PSD) mediou às discussões, os vereadores Marcos Graça (PSC) e Mattheus Silva (PHS), o Prefeito de Propriá, Iokanaan Santana, acompanhado do Secretário Municipal de Finanças, Sérgio Luis Rocha e do Secretário Municipal de Controle Interno, Reginaldo Gomes estiveram presentes. Representantes dos seguintes bancos participaram da reunião: BANESE, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, além de uma representante da Câmara de Dirigentes Lojistas de Propriá.

O Prefeito de Propriá, Iokanaan Santana se mostrou interessado pela aprovação do Projeto. “Alguns clientes tem necessidade de pegar o transporte para retornar para suas cidades. Se essa medida já vem sendo usada em outras cidades, devemos ver se Propriá goza o direito, pois será benéfica.”, afirmou. O Presidente da Câmara respondeu prontamente. “Faremos uma lei e um plano para sua implantação, tudo será muito embasado com diferentes estudos, daremos espaço para a empresas se adequarem e o público em geral terá conhecimento. Assim os visitantes terão mais uma hora para consumir em nosso comércio.”, finalizou.

“Aqui estamos pensando nos clientes que ficam preocupados que estão perdendo o horário do transporte e também no retorno financeiro para cidade, a Caixa quer dar todo apoio nisso. Achei muito interessante quando recebemos essa ideia, pegamos o oficio e mandamos para Superintendência. Se essa Lei prevalecer pode ter certeza que a CAIXA irá apoiar totalmente, achei a ideia muito boa principalmente para população. Não estou falando no sentido da Agência, pois aqui estamos pensando no povo.”, ressaltou Fernanda Chaves Pereira, Gerente da Agência da Caixa em Propriá.

A Câmara de Dirigentes Lojistas assim que contactada iniciou uma pesquisa para saber a opinião dos comerciantes e empresários sobre o referido projeto. O Presidente da Câmara conversou com alguns empresários e as respostas foram positivas. Segundo o mesmo, haverá um estudo de impacto prospectando sua aprovação e averiguando os resultados em outras cidades. Além da construção de um Parecer Jurídico embasado na Lei. Ficou firmado que daqui a 20 dias terá uma nova reunião mais ampla com dados para serem colocados em prática.

Fonte: Câmara Municipal de Propriá
Texto: Mak Torres

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta