Professor propõe cola da prova em troca de sexo

0
180

O educador de 22 anos está preso. Ele dava aula em escolas particulares de Coronel Vivida e Chopinzinho.

rofessor de 22 anos foi preso por suspeita de abusar sexualmente de adolescentes, garotos, em troca de cola para as provas e dinheiro em Coronel Vivida. O educador, que não teve o nome divulgado, foi preso na última sexta-feira (08), após investigações da Polícia Civil.

De acordo com o delegado de Coronel Vivida, ele criou um perfil falso no Facebook onde conversava com diversos jovens de idade entre 14 e 15 anos. Muitos dos adolescentes eram alunos dele.

Em troca da relação sexual ele oferecia dinheiro, bebidas alcoólicas, cigarros, entre outros benefícios. Em uma das situações ele chegou a oferecer uma prova para o aluno dele, antes de ser aplicada. O estudante procurou a direção da escola e denunciou, logo em seguida o caso foi entregue à Delegacia de Polícia Civil.

A Polícia Civil identificou as conversas na rede social e o professor afirmou que o perfil era dele. Ele chegou a ter relação sexual com um adolescente em troca de dinheiro.

O professor foi preso em flagrante e permanece preso em Coronel Vivida. Atualmente ele dava aula em duas escolas particulares de Coronel Vivida e Chopinzinho.

Redação Catve.com

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta